Como funciona o radiador?

Você com certeza já ouviu falar dos cuidados que se deve ter com o radiador do seu carro, correto? Mas você sabe exatamente como ele funciona? Então vamos explicar de uma forma prática e clara.

De modo simples, o radiador funciona como um sistema de troca de calor. Isso significa que ele faz esse processo de troca entre o ar e alguma outra substância, geralmente líquidos, presentes em um sistema fechado. O núcleo do radiador possui diversos canais, com formato de colmeia ou tubos, que possibilitam a passagem do ar. Outro ponto interessante sobre o radiador, é que o formato dele tem relação direta com sua eficiência.

Ou seja, quanto maior o radiador, mais rápido é a troca de calor e por consequência o poder de resfriamento. Com isso, a passagem de ar resfria o calor do líquido de arrefecimento, que já resfriou outros equipamentos internos do seu veículo. Alguns modelos de radiadores possuem ventoinhas que auxiliam no resfriamento do líquido. No caso de radiadores automotivos, existe um conjunto de ventoinhas que junto com o ar que passa por elas resfriam o veículo enquanto o mesmo está em movimento.

O radiador mais conhecido e mais utilizado, é o radiador de arrefecimento, que normalmente é encontrado em carros refrigerados a água. Este tipo de radiador é instalado na parte frontal do veículo e conectado ao motor por cabos. Este sistema fechado se utiliza de uma mistura de água com aditivos, que se aquece devido à atividade do motor.

Existe também outro tipo de radiador que é menos comum. Estamos falando do radiador de óleo. Basicamente, seu funcionamento é semelhante ao do radiador de arrefecimento, mas a sua grande diferença está na sua utilização. Geralmente ele é utilizado em veículos para arrefecer o óleo do cárter ou o fluido da transmissão.

Para a temperatura interna dos veículos, pode ser utilizado o chamado radiador de climatização, que se localiza no painel do carro. Este radiador pode tanto ser utilizado para aquecer o interior do carro como para resfriá-lo. Para o aquecimento, o radiador de climatização se utiliza do próprio líquido do radiador do automóvel. Para reduzir a temperatura interna, por sua vez, utiliza gases específicos.

fonte: blog.jocar.com.br/